Whindersson Nunes | A Volta Do Que Não Foi

Teatro
  • Ingressos de R$ 85.00 a R$ 220.00

  • Arena Multiuso
    Av. Acioni Souza Filho, s/n - Campinas, São José

  • Classificação Indicativa: 16 anos.

Whindersson Nunes | A Volta Do Que Não Foi

Teatro
  • Ingressos de R$ 85.00 a R$ 220.00

  • Arena Multiuso
    Av. Acioni Souza Filho, s/n - Campinas, São José

  • Classificação Indicativa: 16 anos.

Selecione a data

Selecione o horário

Com inegável carisma e talento único para contar histórias, Whindersson Nunes, se supera mais uma vez em “A Volta Do Que Não Foi”, levando ao público um stand-up recheado de momentos hilários, que remetem a diferentes momentos de sua vida e percepções de mundo.

 

Nesse show, Whindersson conta sobre suas aventuras e perrengues nos quatro continentes por onde passou ao longo de sua turnê mundial em 2019 e sobre o tempo em que ficou afastado dos palcos. O mesmo humor afiado de sempre dá o tom ao espetáculo, mostrando uma fase mais madura do artista, que consegue, como ninguém, rir de si mesmo e fazer graça das situações mais inesperadas.

 

INFORMAÇÕES IMPORTANTE: 

 

Seguindo a nova portaria publicada em 30 de novembro de 2021 e válida a todo estado de Santa Catarina.

 

Evento Seguro

 

Seguindo o entendimento da ampliação dos cuidados frente à nova variante, a portaria 1305 torna obrigatório aos estabelecimentos e aos organizadores que promovam eventos e que sigam o protocolo de "Evento Seguro", a ampla divulgação das medidas preventivas à COVID-19 em todos os seus canais de comunicação.

 

O protocolo “Evento Seguro” foi regulamentado através do Decreto Estadual nº 1371, e dispõe sobre a realização de eventos de grande porte, que comportem mais de 500 pessoas.

 

Entre os regramentos que deverão estar amplamente divulgados pelos organizadores estão:

 

- uso obrigatório de máscara;

 

- pessoas com 18 anos ou mais de idade, exigência de apresentação de comprovante de vacinação completa contra Covid-19 ou laudo contendo resultado “negativo, não reagente ou não detectado” de exame RT-qPCR nas últimas 72 horas ou de Pesquisa de Antígeno para SARS-Cov-2 nas últimas 48 horas;

 

- pessoas de 12 a 17 anos de idade, exigência de apresentação de comprovante de vacinação com registro de pelo menos uma dose de vacina contra a Covid-19 ou laudo contendo resultado “negativo, não reagente ou não detectado” de exame RT-qPCR;

 

- para crianças menores de 12 anos de idade não será exigido comprovante de vacinação ou testagem, desde que estejam acompanhadas de pais ou responsáveis, permanecendo em espaços sem aglomeração.

 

Só será permitida a realização de eventos de grande porte que respeitem os regramentos do protocolo “Evento Seguro”. Enquadram-se nesse caso, shows, festivais, apresentações musicais e demais eventos públicos de grande porte ao ar livre que provoquem aglomerações ou que tenham estimativa de participação de mais de 500 pessoas.

 

Além da nova obrigatoriedade, a portaria também revoga outras oito, sendo elas:

 

1.SES nº 191 25/03/2020: Autoriza as atividades relacionadas à execução de obras públicas.

 

2. SES nº 209 31/03/2020: Estende o prazo de aceitação de prescrições médicas.

 

3. SES nº 223 05/04/2020: Autoriza a realização das atividades listadas na Portaria profissionais autônomos e liberais de saúde.

 

4. SES nº 224 03/04/2020: Autoriza a confecção e uso de máscaras de tecido para a população em geral como uma barreira física que pode complementar os demais cuidados não farmacológicos

 

5. SES nº 236 08/04/2020: Autoriza a exposição, a venda e comercialização de máscaras de tecido.

 

6. SES nº 275 27/04/2020 Autoriza a realização de atividades físico-desportivas de forma individual nos ambientes ao ar livre, como parques, praias e calçadões.

 

7. SES nº 285 30/04/2020 Considera essencial os serviços de auditoria interna, ouvidoria, transparência e correção.

 

8. SES nº 348 22/05/202 Permanece proibida a aglomeração de pessoas em qualquer ambiente, seja público ou privado, interno ou externo, para a realização de atividades de qualquer natureza.

 

 

 

 

    

REGRAS PARA MEIA-ENTRADA:

 

Estudantes (Com Carteira de Identificação Estudantil)

 

Pessoas com deficiência, inclusive seu acompanhante quando necessário.

 

Jovens com idade de 15 a 29 anos de baixa renda inscritos no Cadastro Único Para Programas Sociais do Governo Federal (Mediante a apresentação da Identidade Jovem, acompanhada de documento de identificação com foto expedido por órgão público e válido em todo o território nacional)

 

Idosos e Terceira Idade (Cartão de Aposentado ou RG para maiores de 60 anos)

 

Professores Rede Pública (Holerite ou Documento que comprove)

 

Diretores, Coordenadores Pedagógicos, Supervisores e titulares de cargos do quadro de apoio das escolas das redes estadual e municipais, de acordo com a Lei Estadual 15.298/14.

 

(O direito ao benefício da meia-entrada é assegurado em 40% (quarenta por cento) do total dos ingressos disponíveis para cada evento)

 

REGRAS PROMOCIONAIS:

 

Ingresso Solidário: Desconto mediante a doação de 1 kg de alimento não perecível. A
entrega deverá ser realizada na entrada do evento.

 

INFORMAÇÕES IMPORTANTE: 

 

Seguindo a nova portaria publicada em 30 de novembro de 2021 e válida a todo estado de Santa Catarina.

 

Evento Seguro

 

Seguindo o entendimento da ampliação dos cuidados frente à nova variante, a portaria 1305 torna obrigatório aos estabelecimentos e aos organizadores que promovam eventos e que sigam o protocolo de "Evento Seguro", a ampla divulgação das medidas preventivas à COVID-19 em todos os seus canais de comunicação.

 

O protocolo “Evento Seguro” foi regulamentado através do Decreto Estadual nº 1371, e dispõe sobre a realização de eventos de grande porte, que comportem mais de 500 pessoas.

 

Entre os regramentos que deverão estar amplamente divulgados pelos organizadores estão:

 

- uso obrigatório de máscara;

 

- pessoas com 18 anos ou mais de idade, exigência de apresentação de comprovante de vacinação completa contra Covid-19 ou laudo contendo resultado “negativo, não reagente ou não detectado” de exame RT-qPCR nas últimas 72 horas ou de Pesquisa de Antígeno para SARS-Cov-2 nas últimas 48 horas;

 

- pessoas de 12 a 17 anos de idade, exigência de apresentação de comprovante de vacinação com registro de pelo menos uma dose de vacina contra a Covid-19 ou laudo contendo resultado “negativo, não reagente ou não detectado” de exame RT-qPCR;

 

- para crianças menores de 12 anos de idade não será exigido comprovante de vacinação ou testagem, desde que estejam acompanhadas de pais ou responsáveis, permanecendo em espaços sem aglomeração.

 

Só será permitida a realização de eventos de grande porte que respeitem os regramentos do protocolo “Evento Seguro”. Enquadram-se nesse caso, shows, festivais, apresentações musicais e demais eventos públicos de grande porte ao ar livre que provoquem aglomerações ou que tenham estimativa de participação de mais de 500 pessoas.

 

Além da nova obrigatoriedade, a portaria também revoga outras oito, sendo elas:

 

1.SES nº 191 25/03/2020: Autoriza as atividades relacionadas à execução de obras públicas.

 

2. SES nº 209 31/03/2020: Estende o prazo de aceitação de prescrições médicas.

 

3. SES nº 223 05/04/2020: Autoriza a realização das atividades listadas na Portaria profissionais autônomos e liberais de saúde.

 

4. SES nº 224 03/04/2020: Autoriza a confecção e uso de máscaras de tecido para a população em geral como uma barreira física que pode complementar os demais cuidados não farmacológicos

 

5. SES nº 236 08/04/2020: Autoriza a exposição, a venda e comercialização de máscaras de tecido.

 

6. SES nº 275 27/04/2020 Autoriza a realização de atividades físico-desportivas de forma individual nos ambientes ao ar livre, como parques, praias e calçadões.

 

7. SES nº 285 30/04/2020 Considera essencial os serviços de auditoria interna, ouvidoria, transparência e correção.

 

8. SES nº 348 22/05/202 Permanece proibida a aglomeração de pessoas em qualquer ambiente, seja público ou privado, interno ou externo, para a realização de atividades de qualquer natureza.

 

Subtotal R$ 0,00