0800 591 0251 / (11)4003 6119 | atendimento@ingressodigital.com

BUSCA

Doidos de Juizo

Doidos de Juizo

Informações


Data:
25 de outubro de 2019 (Sexta-Feira)
Horário:
20hH

Local:
Teatro Severino Cabral
Endereço:
Av. Mal. Floriano Peixoto, S/N
Campina Grande - PB
Gênero:
Teatro
Classificação:
12 ANOS

Informações Gerais

Descrição

Release

JESSIER QUIRINO no espetáculo DOIDOS DE JUÍZO Há quem diga que todo mundo tem um quê de doido. Jessier Quirino, por exemplo, diz de boca própria e animado: “já fui chamado de “o doido que escreveu esses versos”, isto, pra meu orgulho e redobrado contentamento. É, sem dúvida, um ótimo cachê.” Eis, portanto, o cachê inicial e o título do nosso espetáculo: Doidos de Juízo: uma homenagem à galeria de espíritos iluminados que habitam esse mundão de meu Deus, cada um, a seu modo, cometendo suas doidices. Doido por uma gelada; doido por forró; doido por mulher; doido por cachaça; doido por enterro. Tem também os doidos mais refinados e ousados: doido por música clássica; doido por alpinismo; doido por política que “Deus o livre!”. Sem contar os que gostam de sair doidejando pelo mundo; os que imaginam coisas inverossímeis - doidando com certeza... Pra encurtar a conversa existem aqueles que são doidos e a família não sabe. Quem é doido por conversa antiga, mofada, de preferência sertaneja e que tenha um doido no meio, é Jessier Quirino, que acrescenta e qualifica sua doidice. “O “ser doido” neste caso, refere-se a: dar importância; considerar algo forte; intenso, expressivo, e, porque não dizer necessário pra quem lida com arte.” Se praticar doidice é fazer arte, Quirino sabe, como poucos, recolher as mais bem apanhadas histórias dos doidos de juízo dos brejos, cariris e dos sertões. Essa criaturada de pés no chão, que dão expediente integral e que ocupam seu lugar na tribuna hilariante da vida. Doidos de Juízo é um mergulho em verso e prosa com direito a topada, baque, catabi e escorregão, especialidade máxima dos invencioneiros de porta de farmácia, que Jessier Quirino sabe tão bem representar. Para somar força declamatória, o poeta conta com a munganga sonora de três parceiros de andanças, que fazem a cama musical e a somatória é ganho certo. Pra fechar o firo, todos do palco são doidos por galinha. Gostam tanto de galinha que arremata o poeta: “vejo a hora a gente se transformar em raposa”. E quem for doido perca o tal recital.
Nome Lote Valor
Platéia - Piso Inferior - Meia - Meia R$ 45,00
Platéia - Piso Superior - Meia - Meia R$ 45,00
Platéia - Piso Inferior - Inteira Social - 1Kg de Alimento - Promocional R$ 75,00
Platéia - Piso Superior - Inteira Social - 1Kg de Alimento - Promocional R$ 75,00
Platéia - Piso Inferior - Inteira - Inteira R$ 90,00
Platéia - Piso Superior - Inteira - Inteira R$ 90,00

Formas de Pagamento

Mercado Pago

Mapa